[ INÍCIO ]   [ Sobre o Portal ]  [ FAQs ]  [ Registar site ou blog ]  [ Enviar informações ]  [ Loja ]   [ Contactos ]

 
"Temos obrigação de salvar tudo aquilo que ainda é susceptível de ser salvo, para que os nossos netos, embora vivendo num Portugal diferente do nosso, se conservem tão Portugueses como nós e capazes de manter as suas raízes culturais mergulhadas na herança social que o passado nos legou."  (Jorge Dias)
 
 
 
Arquitectura e construções
Artesanato
Cancioneiros Populares
Danças Populares
Festas e Romarias
Grupos de Folclore
Gastronomia e Vinhos
Instrumentos musicais
Jogos Populares
Lendas
Literatura Popular
Medicina Popular
Museus Etnográficos
Música Popular
Provérbios
Religiosidade Popular
Romanceiros
Sabedoria Popular
Superstições e crendices
Trajos
Usos e Costumes
 
Agenda de iniciativas
Bibliografia temática
Ciclos
Feiras
Festivais de Folclore
Glossário
Informações Técnicas
Loja
Permutas
Pessoas
Textos e Opiniões
Turismo
 
SUGESTÕES
Calendário agrícola
Confrarias
Datas comemorativas
Feriados Municipais
História do Calendário
Meses do ano
Províncias de Portugal
 
 

Pub  
   
»» Pessoas ligadas ao Folclore, à Etnografia, à Cultura Popular Portuguesa>> António Gomes Pereira Pub
Pub    
 

António Gomes Pereira (1859 - 1913)

António Gomes Pereira nasceu na Casa de Chapre, em Midões (Barcelos), em 30 de setembro de 1859 e faleceu na mesma Casa, no dia 6 de abril de 1913, vítima de tuberculose.

Fez a instrução primária na Escola do Sobreiro, freguesia de Adães, e os preparatórios liceais em Braga. Matriculou-se, em 1 de outubro de 1878, no Curso Teológico, no Seminário de S. Pedro.

Depois de ter concluído os estudos teológicos em 1881 e tendo sido admitido às ordens sacras, foi ordenado presbítero, em 23 de setembro de 1882, pelo arcebispo D. João Crisóstomo de Amorim Pessoa. Celebrou a sua Missa Nova, na Igreja Paroquial de Midões, em 22 de outubro de 1882.

Foi professor no Colégio da Formiga, em Ermesinde e coadjutor do pároco de Valongo. Aqui teve oportunidade de contactar com vários intelectuais, entre os quais o Dr. José Leite de Vasconcelos, adquirindo a paixão pela etnografia e folclore.

Em 1889, matriculou-se no Curso Superior de Letras da Universidade de Lisboa. Concluídos os estudos universitários, permaneceu ainda mais quatro anos na capital, tendo sido subdirector, perfeito e professor nas Oficinas de S. José.

Dado o excesso de trabalho, a sua saúde ficou muito abalada, pelo que deixou Lisboa, em Junho de 1896, e regressou à sua terra natal-Midões, onde durante dois anos foi pároco.

Em 1898, e depois de habilitado para o efeito, ingressou no ensino oficial, como professor de Latim e de Português, no Liceu de Vila Real e, a partir de 1902, no Liceu D. Manuel II (actual Rodrigues de Freitas), no Porto, onde se manteve até a meio do ano lectivo de 1909/1910. Foi nesta cidade que elaborou a maior parte das suas obras e alcançou notoriedade.

Ao longo dos anos, publicou diversos trabalhos sobre etnografia, folclore e toponímia das regiões de Barcelos, Esposende, Guarda, Póvoa de Varzim, Vila do Conde e Terras de Bouro, a maior parte dos quais na revista “Lusitana”, muitos deles foram depois, publicados em livro, entre os quais, “Tradições Populares, Linguagem e Toponímia de Barcelos” (1915). Publicou ainda uma Selecta de Literatura (1ª edição-1908 – 2ª edição-1912), que foi muito difundida na sua época.

A sua valiosa Biblioteca, com predominância de escritores portugueses e de humanistas estrangeiros, foi doada, parte à Biblioteca do Liceu Rodrigues de Freitas (autores dos séculos XVI a XVIII) e outra parte aos seus amigos, dois dos quais de Esposende, José da Silva Vieira –editor das suas obras e o Dr. Sousa Ribeiro, bem como à Biblioteca do Seminário do Porto.

A Câmara Municipal de Barcelos instituiu, em 1964, um prémio com o seu nome para galardoar o melhor trabalho em etnografia.

Fonte: texto adaptado de Blogue do Minho

  Gosta da página? Partilhe!

Pub

     

        

Se não encontrou nesta página o que procurava, pesquise em todo o Portal do Folclore Português
 



Acompanhe, em primeira mão as actualizações do Portal do Folclore Português:

FOLCLORE DE PORTUGAL - O Portal do Folclore e da Cultura Popular Portuguesa não se responsabiliza pelo conteúdo dos sítios registados
© Copyrigth 2000/2014  - Todos os direitos de cópia reservados - Webmaster