[ INÍCIO ]   [ Sobre o Portal ]  [ FAQs ]  [ Registar site ou blog ]  [ Enviar informações ]  [ Loja ]   [ Contactos ]

 
"Temos obrigação de salvar tudo aquilo que ainda é susceptível de ser salvo, para que os nossos netos, embora vivendo num Portugal diferente do nosso, se conservem tão Portugueses como nós e capazes de manter as suas raízes culturais mergulhadas na herança social que o passado nos legou."  (Jorge Dias)
 
 
 
Arquitectura e construções
Artesanato
Cancioneiros Populares
Danças Populares
Festas e Romarias
Grupos de Folclore
Gastronomia e Vinhos
Instrumentos musicais
Jogos Populares
Lendas
Literatura Popular
Medicina Popular
Museus Etnográficos
Música Popular
Provérbios
Religiosidade Popular
Romanceiros
Sabedoria Popular
Superstições e crendices
Trajos
Usos e Costumes
 
Agenda de iniciativas
Bibliografia temática
Ciclos
Feiras
Festivais de Folclore
Glossário
Informações Técnicas
Loja
Permutas
Pessoas
Textos e Opiniões
Turismo
 
SUGESTÕES
Calendário agrícola
Confrarias
Datas comemorativas
Feriados Municipais
História do Calendário
Meses do ano
Províncias de Portugal
 
 

Pub  
   
»» Glossário >> T Pub
Pub    
 

 


 

Taleiga - substantivo feminino (do ár. ta'líqa, «saco»)

1.- saco pequeno e largo; 
2.- antiga medida para líquidos e cereais;

Fonte: Diciopédia X

1.- Saco pequeno e largo;
2.- Antiga medida usada para medir azeite que era equivalente a dois cântaros;
3.- Antiga medida de trigo que correspondia a quatro alqueires;

Fonte: Nova Enciclopédia Portuguesa - vol. XII

substantivo feminino (do b. lat. talica)

= Saco, pequeno e largo, destinado à condução de cereais para os moinhos e da farinha que nestes se fabrica;
= Antiga medida de azeite equivalente a dois cântaros;
= Antiga medida de trigo equivalente a quatro alqueires;

Fonte: Grande Dicionário da Língua Portuguesa - Ediclube - Tomo XI
 

Taleigo - substantivo masculino)

= Taleiga pequena; saco;
= Cesto onde se transporta comida; o mesmo que barça;
= Ant. - Saco onde se metia o falcão, na caça de altanaria;
= Mil. Ant. - Víveres de reserva para três dias guardados num saco pelos homens de armas das hostes em campanha na Idade Média; o saco que continha esses víveres;
= Antiga medida para secos, equivalente a dois alqueires;
= Dar ao taleigo - dar à língua, parolar, conversar;

Fonte: Grande Dicionário da Língua Portuguesa - Ediclube - Tomo XI
 


Pub

     

        

Se não encontrou nesta página o que procurava, pesquise em todo o Portal do Folclore Português
 



Acompanhe, em primeira mão as actualizações do Portal do Folclore Português:

FOLCLORE DE PORTUGAL - O Portal do Folclore e da Cultura Popular Portuguesa não se responsabiliza pelo conteúdo dos sítios registados
© Copyrigth 2000/2014  - Todos os direitos de cópia reservados - Webmaster